Grupo AdoleScER junto com integrantes da Secretaria Municipal da Segurança Cidadã de Fortaleza/CE. (nas laterais)

Entre os dias 9 e 11 de maio, as educadoras do Grupo AdoleScER (GA) no projeto “Redução da Violência Escolar”, dentro do programa PazAMIN, Milene Eustáquio e Derivalda França, estiveram em Jacumã, na Paraíba, participando da formação “Implementação de Núcleos Comunitários e Práticas de Mediação de Conflitos”, facilitada pela equipe da Secretaria Municipal da Segurança Cidadã de Fortaleza/CE. Junto com as educadoras, o GA ainda esteve representado por Marconi Meireles e Danrley Silva, jovens mediadores de conflitos em formação e moradores das comunidades de Santo Amaro e Caranguejo/Tabaiares. Além do AdoleScER, a ação, financiada pela Caritas Alemã, agregou outras instituições que desenvolvem o projeto pela redução da violência no ambiente escolar nos estados de Pernambuco e da Paraíba.

Ano passado, Milene e Derivalda estiveram em Fortaleza também se formando sobre a mesma temática e hoje, junto com jovens e lideranças comunitárias, fazem formações e articulam a criação desses núcleos nas comunidades de Caranguejo/Tabaiares e Santo Amaro. “O encontro na Paraíba teve como objetivo nortear as instituições e os mediadores de conflitos comunitários quanto à implementação e funcionalidade dos núcleos comunitários, visando melhor acolhimento, resolução e/ou encaminhamento de conflitos”, conta Milene, coordenadora do projeto no AdoleScER e educadora em Caranguejo/Tabaiares.

Milene ainda ressalta que o momento proporcionou troca de experiências e a continuidade da formação proposta no Ceará. “A vivência também garantiu a partilha das experiências desenvolvidas entre os municípios e a continuidade de um intercâmbio iniciado em novembro de 2016, quando estivemos em Fortaleza para conhecer o trabalho desenvolvido”.

Pernambuco esteve representado também pela Secretaria de Justiça e Direitos Humanos do Estado e pela Secretaria Executiva de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos do Município.

#ReduçãodaViolência #JuventudeLivre